UOL - O melhor conteúdo EMAIL ASSINE O GAZETA

Novembro Azul: Campanha promove conscientização sobre cuidados com a saúde masculina


14 de novembro de 2019 l Atualizada em - 14 de novembro de 2019 às 13:16

Anualmente, durante o mês de novembro, diferentes países ao redor do mundo participam da campanha “Novembro Azul”, promovendo a conscientização sobre a prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de próstata, reforçando, também, a importância de cuidar da saúde masculina de modo geral.

Movimento criado na Austrália, em 2003, o Novembro Azul foi instituído cinco anos mais tarde no Brasil pelo Instituto Lado a Lado pela Vida, com o intuito de mudar o paradigma que existe em relação à ida do homem ao médico. Ao longo do mês, são promovidas diversas ações, como eventos, palestras e a iluminação de monumentos, a exemplo do Cristo Redentor e do Congresso Nacional, tendo como símbolo dessa campanha a cor azul.

O número de novos casos de câncer de próstata em 2018 foi de 68.220. Já, em 2017, o número de mortes em decorrência da doença chegou a 15.391. “Os números são preocupantes, porque sabemos da resistência que os homens têm em procurar ajuda médica especializada. Por isso, é tão importante essa campanha de conscientização que mobiliza a sociedade na mesma proporção que o Outubro Rosa”, destaca Dr. Fernando Russo, médico urologista do Centro Médico São José de Cerquilho (SP).

Dr. Fernando Russo alerta para a importância da realização dos exames de rotina

O câncer de próstata, quando em estágio inicial, tem uma evolução silenciosa. Entretanto, quando a doença já está em um estágio avançado, os indícios podem ser: fluxo urinário fraco ou interrompido, sangue na urina ou sêmen, micção frequente, vontade de urinar frequentemente à noite, disfunção erétil, dor no quadril, costas, coxas, ombros e fraqueza ou dormência nas pernas e nos pés. Trata-se do tumor maligno mais comum entre os homens. Os fatores de risco incluem idade acima de 50 anos, afrodescendentes, sedentarismo, fatores hormonais e ambientais, histórico da doença na família, dieta rica em gordura e excesso de peso.

O diagnóstico é feito por meio de exames, fala Dr. Russo. “Para identificação da doença, é feito o toque retal e averiguada a dosagem de PSA (Antígeno Prostático Específico). Dependendo das alterações encontradas, é realizada uma biópsia, para averiguar a presença de câncer”, explica o especialista do Centro Médico São José.

Após a descoberta da doença, inicia-se o tratamento. “Dependendo da fase em que se é diagnosticado o câncer de próstata, o especialista indicará o tratamento adequado, que varia entre radioterapia, cirurgia ou tratamento hormonal, mas a escolha é individualizada, visando a melhor recuperação do paciente”, elucida o urologista.

A prevenção é sempre a melhor arma contra qualquer doença e com o câncer não é diferente. “É importante, além de fazer os exames preventivos a partir dos 50 anos, ter um cuidado especial com a saúde de modo geral. Alimentar-se bem, seguindo uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, manter o peso adequado, não fumar, diminuir o consumo de álcool e, é claro, pelo menos, 30 minutos diários de atividade física”, enfatiza o médico.

O Centro Médico São José de Cerquilho está localizado na Avenida Presidente Washington Luiz, 392, no Centro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: (15) 3288-4848, pelo site: www.centromedicosaojose.com.br ou pelo Facebook: www.facebook.com/centromedicosaojose.

Fonte: Q Notícias

Publicidade

Comentar reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade