UOL - O melhor conteúdo EMAIL ASSINE O GAZETA

VW Golf GTE chegou e promete brigar com gigantes


12 de novembro de 2019 l Atualizada em - 12 de novembro de 2019 às 15:42

Cerca de 100 unidades da versão híbrida do Golf, com certo apelo esportivo, desembarcaram da Alemanha já estão em algumas concessionárias no país. Chamado de VW Golf GTE será vendido em versão única, sem opcionais, pelo preço sugerido de R$ 199.990. Trata-se de um dos seis modelos híbridos e elétricos que a marca alemã vai lançar no País até 2023.

A marca diz que o carro tem 900 km de autonomia e pode acelerar de 0 a 100 km/h em 7,4 segundos. Ao rodar apenas no modo elétrico, a autonomia é de 50 km. Mas utilizando o motor a combustão alternadamente o carro pode chegar a rodar 900 km à sua autonomia máxima. O carro vem para substituir o Golf GTI.

Com potência combinada de 204 cv, o hatch médio híbrido vem com motor 1.4 turbo, de 150 cv, que funciona em conjunto com outro elétrico e ambos tracionam as rodas dianteiras. A velocidade máxima alcançada é de 222 km/h. Um pouco abaixo do GTI, que era de 237 Km/h.

Junto com o Golf GTE, a marca começa a vender no Brasil um patinete dobrável e uma bicicleta de aro 29, também elétricos. O primeiro custa R$ 3.399 e a “magrela”, R$ 11.499, novidades que já começaram a ser vendidos nos concessionários.

Ao entrar a nova era da mobilidade no Brasil com o VW Golf GTE , a marca investe na instalação de 30 carregadores nas principais rodovias nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Paraná, capazes de dar 80% da carga total das baterias em apenas 25 minutos. De acordo com a fabricante, até 2023, todos estarão disponíveis.

Publicidade

Comentar reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade